Facebook Youtube Flickr
Notícias
A | A+
Imprimir Matéria
REAJUSTE SALARIAL

Oposição ameaça obstruir votação da LDO na próxima quinta-feira, 12 de julho

Supressão do artigo 92-A, que impede correção salarial e a contratação de novos servidores, está entre as reivindicações dos partidos. Estratégia foi anunciada pela deputada federal Erika Kokay (PT-DF)

Publicado em 10/07/2018 às 14:39 | Acessos: 220


Partidos de oposição ameaçam obstruir a votação do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019 (PLN 2/2018) na Comissão Mista de Orçamento (CMO) e no Plenário do Congresso Nacional na próxima quinta-feira, 12 de julho. Atuação é pela supressão do artigo 92-A que impede correção salarial e contratação de novos servidores. Outro ponto de discordância é o corte linear de 10% do orçamento de custeio das políticas públicas. Eventual obstrução da pauta pode interferir no recesso parlamentar. Estratégia foi anunciada pela deputada federal Erika Kokay (PT-DF). Assista a íntegra da declaração.

ico-fce-1248498586fd276f5178b4d3f2b7aa20.jpg ico-you-90c6251d1ea816aae592005c0d5e6892.jpg ico-flk-ec51aca45a2791d46190d2eadacb4464.jpg

SCLN 110, Bloco C, Loja 69/79 - Brasília - DF - (61) 2107-5000 - CEP: 70.753.530

© Unacon Sindical 2015. Todos os direitos reservados.